Sr. Lareca e o Monte da Abaneja

Este pequeno vídeo é sobre o Sr. Lareca, trabalhador rural no Monte da Abaneja, na Paróquia de Nossa Senhora de Guadalupe, em Évora, Portugal por 43 anos. O monte da Abaneja é uma construção rural registada, fotografada e estudada pelos arquitectos responsáveis pela elaboração do livro “Arquitectura Popular em Portugal” e publicado em 1961 pelo Sindicato Nacional dos Arquitectos. Este vídeo adiciona narrativa histórica de cunho pessoal a este exemplar de património cultural do Alentejo. Foi produzido entre Dezembro de 2012 e Janeiro de 2013 por Pedro Lobo.

This video is about Sr. Lareca, rural worker who labored at the Monte da Abaneja. in the Parish of Nossa Senhora de Guadalupe, Évora, Portugal for 43 years. The Monte da Abaneja is rural house which was registered, photographed and studied by the architects responsible for the publication of the book “Popular Architecture of Portugal” in 1961. This video adds a bit of “hands on” historical narrative about this example of cultural heritage. It was produced between December 2012 and January 2013 by Pedro Lobo.

This entry was posted in arquitectura rural, informação útil, vídeo by pedro. Bookmark the permalink.

About pedro

Pedro Lobo estudou na School of the Museum of Fine Arts, Boston e no International Center of Photography (ICP), em Nova Iorque. Entre 1978 e 1985 foi fotografo/investigador do Centro Nacional de Referência Cultural (CNRC com Aloísio Magalhães e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) onde foi o responsável pela documentação fotográfica para os processos de inclusão na lista do Patrimônio Mundial da UNESCO das cidades de Olinda, Ouro Preto, Salvador, Santuário do Bom Jesus doe Matosinhos e São Miguel das Missões. Em suas séries fotográficas,nas favelas cariocas – “Arquitetura de Sobrevivência” – nas prisões de Carandiru e Medellin – “Espaços Aprisionados” – utiliza a fotografia de arquitetura como meio de retratar a condição humana. Tem exposto regularmente seu trabalho, em individuais ou em colectivas, no Brasi, em Portugal, nos Estados Unidos, na Dinamarca, na Alemanha, na China e na Colômbia. Sua obra figura em diversas coleções públicas e particulares. Recebeu o V prêmio Marc Ferrez, as bolsas CAPES-Fulbright e a Vitae de Fotografia. Atualmente reside em Évora, Portugal, trabalhando na Europa e no Brasil.

Leave a Reply

Connect with:

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Current day month ye@r *